NotíciasPapelão onduladoQuímica Nova Brasil

QNB apresenta RU de segunda geração com planta de produção dedicada

Equipada com tecnologia de ponta, a unidade permite a produção em larga escala do RU, garantindo consistência na qualidade e na entrega do produto

A Química Nova Brasil (QNB), reconhecida por suas soluções químicas inovadoras para a indústria de papel e celulose, orgulhosamente anunciou o lançamento do RU de Segunda Geração, com a inauguração de uma planta de produção dedicada. Esta instalação exclusiva sublinha o compromisso da QNB com qualidade, eficiência e atendimento às necessidades específicas do setor. 

PLANTA DE PRODUÇÃO DEDICADA 

A nova planta de produção do RU de Segunda Geração representa um marco significativo para a QNB. Equipada com tecnologia de ponta, a planta permite a produção em larga escala de resinas para Resistência em Úmido de papéis, garantindo consistência na qualidade e na entrega do produto. A capacidade de produção aumentada assegura que a QNB possa atender à crescente demanda de seus clientes no mercado global. 

“Estamos extremamente orgulhosos da nossa nova planta de produção”, diz Luciano Kipper CEO da QNB. “Esta instalação moderna é resultado de um investimento significativo em infraestrutura e tecnologia, refletindo nosso compromisso com a excelência e a inovação”. 

APLICAÇÃO DA TECNOLOGIA DE RU’S SEGUNDA GERAÇÃO 

A linha de RU’s de Segunda Geração da QNB é projetada para aplicações diretamente na suspensão de polpas de fibras. Este produto inovador garante uma interação superior com as fibras na suspensão, melhorando a coesão e a resistência do papel formado, isto em função do maior teor percentual de azetidenio em suas cadeias, que é o grupo químico reativo catiônico do produto. 

Além disso, destaca-se o significativo menor teor de DCP e MCPD no RU de segunda geração, evidenciando os avanços na produção para minimizar potenciais efeitos indesejados pelo seu uso como impactos na saúde dos consumidores, nos ecossistemas principalmente aquáticos e na características indesejáveis do produto final, como perda de resistência e odores desagradáveis. 

QUALIDADE E ACEITAÇÃO DE MERCADO 

Destinado à produção dos mais variados tipos de papéis como tissue, alimentares, embalagens, cartões e papéis especiais em geral, o RU de Segunda Geração tem excelente aceitação no mercado e vem de encontro com normas nacionais e internacionais que estabelecem limites de migração de substâncias, principalmente para contato com alimentos e com o ser humano. Embora seja um produto mais especializado e não amplamente disponível ainda entre todos os fabricantes de químicos para papel, ele se estabelece como um componente essencial entre os principais produtores de papel no mundo.  

“Nossa equipe está muito satisfeita com a recepção positiva que o RU de Segunda Geração está recebendo,” comenta Luciano Kipper. “Este produto é o resultado de anos de pesquisa e desenvolvimento, e estamos confiantes de que ele atenderá e superará as expectativas de nossos clientes”. 

DESEMPENHO SUPERIOR E SUSTENTABILIDADE 

Uma das principais vantagens do RU de Segunda Geração é o aumento significativo do índice de resistência a úmido do papel, um fator crucial para muitas aplicações industriais. Além disso, o produto reduz a quantidade de compostos organoclorados – contaminantes comuns – quando comparado ao RU de primeira geração, resultando em um papel mais limpo e seguro. 

Embora o RU de Segunda Geração mantenha o perfil de sustentabilidade do RU de primeira geração, ele se destaca por aprimorar a performance técnica sem comprometer a sustentabilidade. “Nosso foco foi melhorar o desempenho técnico mantendo o compromisso com a sustentabilidade”, explica Osvaldo Vieira, Diretor de P&D da QNB. 

UM PASSO ADIANTE NA INOVAÇÃO 

Com o lançamento do RU de Segunda Geração e a inauguração de sua planta de produção dedicada, a QNB reafirma seu compromisso com a inovação e a qualidade no setor de papel e celulose. Adicionalmente, a QNB disponibiliza tecnologias de RU’s temporários, que oferecem resistência a úmido durante o processo de fabricação que melhora substancialmente a drenagem e a maquinabilidade que se degradam após o uso, contribuindo para uma melhor reciclabilidade do papel. Essa abordagem não só melhora a performance técnica, mas também promove uma solução mais sustentável para a indústria de papel.  

O FUTURO COM A QNB 

O futuro promete ser brilhante para a QNB e seus parceiros. Com a introdução do RU de Segunda Geração além de outras tecnologias que estão em desenvolvimento, ainda com a capacidade de produção ampliada, a QNB está preparada para atender à crescente demanda e continuar em evidência num mercado altamente competitivo, entregando soluções inovadoras de alta qualidade. 

“Com a expansão da planta e o lançamento do RU de Segunda Geração, a QNB reafirma seu compromisso com a inovação, sustentabilidade e excelência”, afirma Alexandre Franco, Diretor Comercial da QNB. “Estas iniciativas fortalecem nossa busca pela vanguarda tecnológica no setor de químicos para papel e celulose, permitindo-nos atender às demandas do mercado com maior eficiência e qualidade. Estamos entusiasmados com os impactos positivos que essas mudanças trarão para nossos negócios e, em breve, anunciaremos muitas outras novidades que continuarão a posicionar a QNB como líder em soluções inovadoras e sustentáveis”. 

Para mais informações sobre as ampliações e desenvolvimentos de novos produtos da QNB, visite o site ou entre em contato com a equipe de Marketing e Relacionamento com Clientes. 

E-mail: [email protected]. 

Telefone: +55 47 3348-0443.   

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo