ColunistasNotíciasPackaging no Brasil

Embalagens de papel: a escolha consciente para um futuro sustentável

Por Antonio Lemos, presidente da Voith Paper na América do Sul

A jornada em direção a um futuro mais sustentável está intrinsecamente ligada a escolhas de embalagens. À medida que nos esforçamos para minimizar o impacto no meio ambiente, a seleção de materiais naturais, renováveis, recicláveis e compatíveis com a economia circular torna-se indispensável. É por esse motivo que as embalagens à base de papel emergem como a escolha mais sustentável em relação a embalagens plásticas.

A crescente conscientização sobre os impactos ambientais resultantes de nossas escolhas nunca foi tão evidente. Consumidores, empresas e governos estão assumindo compromissos significativos para reduzir esse impacto.

Como se sabe, o ano de 2020 trouxe mudanças drásticas no modo de vida, trabalho e consumo devido à pandemia de Covid-19. O aumento do comércio eletrônico destacou os crescentes impactos das embalagens descartadas. Simultaneamente, a escassez de alimentos e matérias-primas ressaltou a fragilidade das cadeias de suprimentos globais.

A pandemia trouxe uma nova percepção da interconectividade global, reavivando o interesse pelo meio ambiente e instigando uma reflexão sobre nossos padrões de consumo.

É inegável que a jornada em direção a um futuro mais sustentável vai muito além da escolha de embalagens. No entanto, dada a importância da embalagem como ponto inicial da interação entre consumidores e empresas, sua concepção adequada é crucial, pois pode influenciar tanto a percepção do consumidor quanto o meio ambiente.

No setor alimentício, por exemplo, onde 65% do papel embalagem é destinado no Brasil, o papel barreira é uma inovação que já faz parte da rotina de quem costuma receber suas refeições prontas em casa. Este tipo de papel, também conhecido como papel antigordura ou papel acoplado, é amplamente utilizado para proteger alimentos contra vazamentos de gorduras e molhos. Sua composição é cuidadosamente projetada para o contato direto com alimentos, sem o uso de químicos prejudiciais, preservando a segurança alimentar e a barreira utilizada precisa ser tecnicamente viável para a aplicação em escala industrial.

Os requisitos para os papéis com barreiras são muito diversos. Falamos sobre alimentos e a necessidade de barreiras para líquidos e gorduras, mas podemos falar em produtos que não possam receber luz, ou que sejam protegidos contra odor ou vapores. Para isso, a Voith conta com centros de tecnologia que estão disponíveis para que os clientes possam testar previamente equipamentos e soluções, como o papel barreira.

À medida que avançamos para um futuro mais sustentável, a substituição do plástico pelo papel, especialmente com soluções como o papel barreira, mostra-se não apenas viável, mas também indispensável. Este tema está diretamente ligado à regulamentação, uma vez que políticas públicas podem acelerar esta transição. A mudança não apenas reduzirá o impacto ambiental causado pela utilização das embalagens de plástico, mas também promoverá a saúde do planeta para as gerações futuras.

E a Voith Paper está comprometida em fornecer tecnologias inovadoras que impulsionem a transição para uma economia circular, ajudando a proteger o meio ambiente para as gerações futuras. Aliada dos programas de pesquisa e desenvolvimento de seus clientes, a Voith atua para que as embalagens de papel se tornem produtos de alto valor agregado e ganhem ainda mais relevância no cenário mundial.

Mostrar mais

Antonio Lemos

Antonio Lemos, presidente da Voith Paper América do Sul, possui longa experiência no mercado de papel e celulose. Presente no Grupo Voith há 32 anos, o executivo ingressou na companhia em 1991, como estagiário na área de engenharia de aplicação e vendas, passando a ocupar o cargo de presidente em 2021. Antonio é apaixonado por Papermaking e considera que a construção de um mundo melhor é pautada pela união de pessoas dedicadas, ações sustentáveis e investimento em transformação digital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo